5 de out de 2009

ÁQUILA ENXERGOU PRISCILA COMO PASTORA, EVANGELISTA, PRESBÍTERA E DIACONISA

No Novo Testamento vários homens de Deus valorizaram mulheres de Deus, mostrando QUAL ERA A DIFERENÇA ENTRE SER MULHER NA SOCIEDADE JUDAICA E SER MULHER NA SOCIEDADE CRISTÃ, numa época em que os rabinos pregavam que:

.a mulher não tinha alma;

.a mulher não tomava parte ativa no culto de adoração a Deus, falando ou orando em voz alta;

.à mulher, não era permitido estudar a Lei de Moisés (10).

A história de um desses homens está registrada na Bíblia Sagrada em At. 18. 1-4, 18-21 e 24-28 que fala do relacionamento entre Áquila e Priscila.

Áquila e Priscila era um casal de judeus cuja profissão era a de fabricante de tendas. Eles foram forçados a abandonar a cidade de Roma por meio de um decreto do Imperador Cláudio que ordenava a expulsão dos judeus.

Quando Paulo chegou em Corinto trabalhou com Áquila e Priscila no negócio deles de fabricação de tendas. Enquanto trabalhavam juntos na oficina e na divulgação do evangelho, Áquila e Priscila tiveram a inestimável oportunidade de serem ensinados e treinados pelo próprio Paulo.

Áquila e Priscila abriram seu lar para o trabalho de Paulo, e ali se desenvolveu a Igreja Cristã de Corinto. Acompanharam-no a Éfeso e ajudaram-no a estabelecer ali a Igreja Cristã em Éfeso, onde também se reunia na casa deles. Além disso, voltaram a Roma, de onde tinham sido expulsos, e a Igreja Cristã de Roma funcionava na casa deles.

É interessante notar que, numa época em que os homens, na maioria das vezes, não se referia a mulher pelo nome, o nome de Priscila aparece em primeiro lugar, em quatro das seis referências a esse casal no Novo Testamento (At. 18. 18, At. 18. 26, Rm. 16. 3,4 e II Tm. 4. 19); levando-nos a fazer seis INFERÊNCIAS:

1. Priscila era o elemento mais importante da família;

2. Priscila era a personalidade mais espiritual no que diz respeito ao ministério do evangelho;

3. Priscila pertencia a uma nobre família romana, o que lhe teria dado uma proeminência especial;

4. Priscila era alguma dama romana de categoria social superior a de Áquila;

5. Priscila era o elemento de maior proeminência na igreja local;

6. Priscila pode ter sido mais proeminente no negócio de fabricação de tendas (10).

Áquila poderia...

.ter inveja do desempenho de Priscila na oficina de fabricação de tendas;

.ter ciúme de Priscila em função dos elogios de Paulo a ela, inclusive chamando-a, às vezes, pelo apelido de Prisca;

.ter desprezado a posição herdada por Priscila por pertencer a uma família nobre;

.ter impedido Priscila de exercer o ministério do evangelho na igreja local;

.ter reivindicado a posição de elemento mais importante da família.

No entanto, Áquila, o marido de Priscila, demonstrou ser um homem de Deus ao enxergá-la como:

.pastora, por dirigir as Igrejas Cristãs de Corinto (At. 18. 11), Éfeso (At. 18. 18,19) e Roma (Rm. 16. 3,4);

.evangelista, por expor o caminho de Deus a Apolo que era eloqüente e poderoso nas Escrituras mas, conhecia apenas o batismo de João (At. 18. 24-26);

.presbítera, por atuar como superintendente das Igrejas Cristãs de Corinto, Éfeso e Roma (I Co. 16. 19);

.diaconisa, por ter arriscado a própria vida para salvar a de Paulo (At. 19. 23-41).

MAS, POR QUE ÁQUILA?

Durante muitos anos, ao ministrar para pré-adolescentes, adolescentes e jovens; em acampamentos, congressos, seminários, etc.; utilizei como símbolo o relacionamento entre Isaque e Rebeca.

Ao me aprofundar nas pesquisas científicas sobre casais, na Bíblia Sagrada, pude constatar que o casal que melhor representa o relacionamento entre um Homem de Deus e uma Mulher de Deus é ÁQUILA e PRISCILA.

Portanto...

Pré-adolescentes, adolescentes e jovens desejem, sonhem, planejem o seu namoro, o seu noivado e o seu casamento; pedindo a Deus UM ÁQUILA ou UMA PRISCILA.

VOCÊ SERÁ MUITO FELIZ!